Edições Histórico dos Concertos Notícias Contactos
Notícias [Arquivo]

  Palácio Foz | Orquestra de Joves Intèrprets dels Països Catalans | 4 de Março | 18h00   voltar

Miquel Estelrich, piano | Carles Gumí, direcção musical -Obras de Eduardo López-Chávarri Marco, Baltasar Samper i Marquès, Jaume Mas Porcel, Joan Manén i Planas, Agustí Borgunyó i Garriga

Programa

I

Eduardo López-Chávarri Marco
Aquarel les valencianes per a orquestra de corda
Cançó
Dansa
Estival

Baltasar Samper i Marquès
Ritual de Pagesia
Als olivars
Als figuerars
De vetllada, a la llar

Jaume Mas Porcel
Nocturno para piano e orquestra*

II

Joan Manén i Planas
Divertimento op. A32

Agustí Borgunyó i Garriga
L'aplec

Miquel Estelrich, piano
Carles Gumí, direcção musical

*obra composta para a comemoração dos 150 anos da estada de Chopin em Palma de Maiorca

Orquestra de Joves Intèrprets dels Països Catalans
A Orquestra «Joves Intèrprets dels Països Catalans» (OJIPC)* nasceu em Palma de Maiorca, em 2004, estimulada pelo Forum Musicae, Centro de Dinamização dos Ensinos Musicais nas Baleares.
Congregando jovens entre os 18 e os 26 anos, provenientes dos diferentes espaços com a mesma cultura (Alguer, Andorra, Catalunha, Catalunha do Norte, Faixa Ocidental, Ilhas Baleares e País Valenciano) e tendo a música e a língua como vínculo comum, a OJIPC tem por objectivo dar a conhecer ao mundo o património musical e cultural catalão.
A recuperação e projecção desse património constitui uma das principais razões da existência da OJIPC, a qual, até ao presente, já levou a cabo a edição de sete obras inéditas, bem como a gravação de quatro volumes intitulados Col•lecció Compositors dels Països Catalans.
Em 2006 a OJIPC recebeu o Premi Jaume I (Prémio Jaime I) atribuído pela Faixa Ocidental em virtude da sua defesa em prol do património cultural catalão.
Em 2009, por ocasião do 5.º aniversário da OJIPC, foram levadas a cabo duas iniciativas importantes para a história da Orquestra: a fundação do «Cor Jove dels Països Catalans» e a instauração do Concurso de Composição «Matilde Salvador». Ambas as iniciativas ampliaram assim o raio de acção do projecto em três frentes: o mundo orquestral, o coral e a composição.
Também em 2009, a OJIPC recebeu duas distinções: o Prémio Caixa de Sabadell 2009 e, no âmbito dos Prémios 31 de Dezembro, outorgados pela Obra Cultural Balear, recebeu o Prémio «Josep Maria Llompart» pela sua dedicação à normalização, conhecimento e prestígio da língua e cultura catalãs, e ao aprofundamento da identidade nacional.

* A OJIPC é um projecto patrocinado pela Generalitat da Catalunha, pelo Governo Balear, pelo Conselho de Maiorca, pelo Conselho de Ibiza, pelo Instituto de Estudos Baleares e pela Obra Social da Caixa Sabadell.

APOIOS:
Instituto Ramon LLull
Governo das Ilhas Baleares
Forum Musicae
GMCS

(JMP), 26-02-2010
Copyright © 2006-2017 Grupo Megaglobal. Todos os direitos reservados.